Home
Proposta do Evento
Um pouco sobre o Ruy
Agenda de Encontros
Álbum de fotos
Colunas do Ruy
Livros
Eu Fui!
Conheça a equipe
Imprensa
Sugira um convidado
Faça contato conosco
Livro - Encontros com o Professor - Cultura Brasileira em Entrevista - Volumes I, II, III,
IV , V, VI e VII
Ver todos

  


Ouça o Encontros na
Rádio CBN 1340.
Aos sábados, às 10h,
e segundas-feiras, às 14h.

 
 
Notícias Voltar

06/07/2012
Encontros Itinerantes: cultura nos quatro cantos do RS

Você sabe o que é a versão itinerante do Encontros com o Professor? É quando Ruy percorre o Rio Grande do Sul levando sua caravana de entrevistados a várias cidades do Interior. A equipe da itinerância viaja junto e produz o evento nos mesmos moldes do que acontece em Porto Alegre, semanalmente. É a oportunidade das pessoas que moram fora da Capital assistirem e participarem do Encontros com o Professor. Normalmente, a edição se encaixa na programação de algum evento cultural do município.

As duas primeiras vezes que o Encontros saiu de Porto Alegre foram em dois eventos realizados na Feira do Livro de Gravataí nos anos de 2005 e 2007. A partir de 2008, o Encontros itinerante se tornou oficial, e a incursão pelo Interior passou a ocorrer em diversas datas. Na temporada inaugural, foram promovidos oito eventos, e a estreia aconteceu em Santa Maria, quando Ruy conversou com Moacir Gadotti. Depois, o Encontros esteve em Gramado (Domingos Oliveira), Caxias do Sul (Zé Victor Castiel), São Leopoldo (Luís Augusto Fischer), Santa Cruz do Sul (Beto Souza), Gravataí (Vitor Ramil), Osório (Luis Fernando Verissimo) e Santana do Livramento (Nei Lisboa).

Em Santana do Livramento, foi firmada uma das parcerias mais atuantes do Encontros. Artur Montanari, da Livraria Marco Zero, desenvolve e ajuda a realizar diversos eventos culturais na cidade e na região, como a Feira Binacional do Livro. A Livraria estava produzindo o show de Nei Lisboa na cidade, e o Encontros tinha o interesse em fazer uma entrevista com o cantor. "A produtora do Nei me colocou em contato com a equipe do Encontros e passei a conversar com a Cristiane Ostermann. Expus para ela que, devido ao pouco tempo hábil, teríamos que enfrentar diversas dificuldades. Mas como dizem em nossa fronteira, não poderia deixar passar o cavalo encilhado, pois a sorte e as boas oportunidades não são de dar uma segunda chance. Depois de refletir, me dei conta da importância do que estava sendo oferecido: uma possibilidade de parceria com um dos mais importantes programas de entrevistas do Estado, comandado por uma figura carismática, um verdadeiro ícone cultural", conta Montanari. Desde então, a Marco Zero é a parceira do Encontros em Santana do Livramento e já recebeu quatro eventos no município. E assim acontece em outras cidades pelo Estado.

Em 2009, o Encontros desembarcou em sete cidades: Taquara (Moacyr Scliar), Três Coroas (Lya Luft), Santana do Livramento (Bebeto Alves), Gramado (Aletéia Selonk, Luciana Tomasi, Guilherme Castro e Leandro Valiati), Vacaria (Antônio Carlos Borges-Cunha), Santa Cruz do Sul (David Coimbra) e Santa Maria (Duca Leindecker). Em 2010, foi a vez de Três Coroas (André Damasceno), Montenegro (Jorge Furtado), Santana do Livramento (Neto Fagundes), Vera Cruz (Humberto Gessinger), Santa Cruz do Sul (João Ubaldo Ribeiro), Bento Gonçalves (Thedy Corrêa), Canoas (Cícero Galeno Lopes, Henrique Martins de Freitas e Jéferson Assumção) e Capão da Canoa
(Kledir Ramil). Por fim, em 2011, o Encontros
esteve em mais oito cidades: Santana do Livramento (Carlos Urbim e Tomás de Mattos), Salvador do Sul (Fabrício Carpinejar), Vera Cruz (Nico Nicolaiewsky), Santa Cruz do Sul (Thiago de Mello), Caxias do Sul (Hique Gomez), Passo Fundo (Roger Lerina), Igrejinha (José Antônio Pinheiro Machado, o Anonymus Gourmet) e Pelotas (Aldyr Schlee). Ao todo, já foram 33 eventos itinerantes em 20 cidades diferentes.


"A parceria é muito importante para nós que somos de uma pequena cidade do Interior. Geralmente, em termos de atrações culturais, só a Capital e as grandes cidades são beneficiadas. Em função de sua itinerância, considero o Encontros o mais importante difusor cultural de nosso Estado, levando atrações de forma gratuita para cidades que estão fora do tradicional roteiro cultural, realizando parcerias e promovendo associações. Incentiva a cultura onde ela é mais necessária. Não poderia deixar de elogiar a qualidade e o profissionalismo de toda a equipe, e também de falar que, além da inteligência e simpatia do Ruy e do carisma de seus entrevistados, a descontração e a interação com o público são o que torna o Encontros um programa imperdível, uma referência no cenário cultural gaúcho e brasileiro. E antes que o mundo acabe...que venha o Encontros de 2012", finaliza Montanari.




 
Outras notícias
09/10/2015   Ruy eternizado
18/08/2014   Vem aí o oitavo livro do Encontros
18/07/2014   Relembre João Ubaldo Ribeiro
10/02/2014   Relembre Nico Nicolaiewsky
09/08/2012   Ná Ozzetti abre o Encontros 2012
24/07/2012   A volta do Encontros!
11/06/2012   Dia dos Namorados
23/01/2012   Novidades no site
10/01/2012   Retrospectiva 2011
11/02/2011   Encontros com o Professor 2011
11/01/2010   Ostermann e convidados do Encontros recebem Prêmio Joaquim Felizardo
20/03/2009   Pocket show com Renato Borghetti encerrou a noite
19/03/2009   Encontros com o Professor está de volta
16/2/2009   Encontros com o Professor retorna cheio de novidades em março
 
Depoimentos

25/10/2013
Milton do Prado, Cineasta
 
Admiro
Venho sempre que posso ao Encontros com o Professor. Admiro muito o Ru...
Cultura e educação
O Encontros é realmente muito interessante. É cultura é educação. Serv...
 
Patrocínio

Promoção Apoio Realização